Receba nossa Newsletter

Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos

Rio Claro, RJ – desde 2007

Uma das primeiras cidades tombadas do Brasil (1939)

Destombada e demolida (1940) pelo Governo Vargas

Revitalização das ruínas da antiga cidade de São João Marcos. Coordenação e produção das atividades do Parque. Projetos de arquitetura, paisagismo, reflorestamento e complementares. Pesquisa histórica, antropológica e arqueológica. Design gráfico, museologia e museografia. Montagem de maquete da antiga cidade. Produção de vídeo documentário. Construção do Centro de Memória, cantina com receitas típicas coletadas junto à ex-moradores da região e anfiteatro. Mobilização da rede de escolas públicas para implantação de um Programa de Educação Patrimonial. Sinalização. Edição de livro sobre a história de São João Marcos.

Realização: Instituto LIGHT.

Patrocínio: LIGHT., Secretaria de Estado de Cultura – Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Parcerias:  INEPAC, Prefeitura Municipal de Rio Claro, Secretaria Municipal do Meio Ambiente, INEA, IPHAN, Jardim Botânico do Rio de Janeiro e Eletronuclear.

http://www.saojoaomarcos.com.br

 

 

 

Inauguração de mirante para observação de pássaros e confecção de cartilhas voltadas para educação patrimonial de crianças e adolescentes.

Construção de campo de futebol para resgate da memória da tradição esportiva da cidade.

Produção de vídeo documentário sobre o poeta Fagundes Varella e sobre as mulheres de São João Marcos.

53 eventos realizados desde a inauguração até novembro de 2013

23.400 visitantes recebidos até novembro de 2013

 

Em 2013, o Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos recebeu 100 peregrinos da Jornada Mundial da Juventude, advindos de diversas nacionalidades.

O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos também produziu as exposições itinerantes Mulheres de São João Marcos e Pereira Passos: Cidadão de São João Marcos, que já foram exibidas em centros culturais dos municípios de Piraí, Rio de Janeiro e Volta Redonda.

 

Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade

O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos recebeu do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) o prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2011, a mais importante premiação nacional relativa à preservação do patrimônio natural e arqueológico. Com parcerias e ações conjuntas, conseguimos estabelecer o fortalecimento da imagem do projeto nas esferas municipal – notadamente com Rio Claro – e estadual, através de parcerias com a Secretaria de Estado de Cultura RJ e com o Instituto Estadual do Meio Ambiente (INEA).

A Cerimônia de entrega contou com a presença de Luis Fernando de Almeida, Presidente do IPHAN, Luis Amaral (Instituto LIGHT), Fernando Portella (ICCV), Ana de Holanda, Ministra da Cultura e Mozart Vitor Serra (ex-diretor da LIGHT).